quarta-feira, 19 de outubro de 2016

HOMENAGEM AO CORONEL MASSOT PATRONO DA BRIGADA MILITAR



          A Legião da Reserva Altiva realizou nesta quarta-feira (19), no Cemitério da Santa Casa, em Porto Alegre, uma homenagem ao patrono da Brigada Militar, coronel Afonso Emílio Massot. A cerimônia marcou a data de aniversário de vida e morte do oficial, lembrados no mês de outubro.

           Durante a cerimônia em memória do coronel Massot, o Comandante da Legião da Reserva Altiva, coronel Álvaro Raul Cruz Ferreira, lembrou sua trajetória desde o nascimento em Pelotas, no dia 16 de outubro de 1865, até o início da carreira nas atividades bélicas.
         Aos 30 anos, Massot com quase três anos de atividades nas Forças Armadas, resolveu voltar à antiga profissão, queria se dedicar aos livros e a atividade de professor. Requereu a sua demissão, mas seu requerimento foi indeferido pelo Presidente do Estado, Júlio Prates de Castilhos, com a alegação que Massot merecia toda a sua confiança e a do Comandante-geral. O Presidente o recebeu pessoalmente no Palácio, pedindo que continuasse no serviço ativo. E o bravo oficial aceitou as ponderações e permaneceu no Comando do 2º Batalhão de Infantaria. 
      Em 1914 recebeu o Comando Interino da Brigada Militar até 1917, quando foi promovido ao posto de coronel e efetivado na função. Faleceu em 21 de outubro de 1925, em Porto Alegre, cinco dias após completar 60 anos.
 
       A solenidade contou com a presença do Chefe do Estado Maior da BM, coronel Julio Cesar Rocha Lopes, oficiais, praças e integrantes da Legião da Reserva Altiva. 

Comunicação Social / EMBM-PM5
Texto: Sd Paola Dala Barba - PM5

Foto: Sd Carlos Zoch – PM5