quinta-feira, 22 de setembro de 2016

DA SÉRIE 42 ANOS DE HISTÓRIA IV

Comandante
05 mai 1992 a 29 abril 1994
 Atendendo proposta do Sr Tenente Coronel DIRLEI RIOGRANDINO FERREIRA OPPA, publicada em Boletim Geral n° 044 de 09 de março de 1993, o dia 23 de setembro passou a ser considerado como data de aniversário do 5º RPMon.

A contar do dia 17 de novembro  de 1994,    através   do   Decreto  nº 35.648,   foi   instituído  como Patrono   da   Unidade  o  Coronel PM WALTER PERACCHI BARCELLOS. O Regimento  passou   a   chamar-se     5º RPMon  “ Rgt Cel Peracchi”.

      Walter Peracchi Barcelos, nasceu em Porto Alegre, no ano de 1907, falecendo no ano de 1986, aos 79 anos de idade. — Porto Alegre, 13 de agosto de 1986) foi ummilitar e político brasileiro, governador do Rio Grande do Sul durante a Ditadura Militar.
       Fez sua carreira na Brigada Militar, na qual sentou praça aos 14 anos. Galgou todos os postos até assumir, em 1948, o comando geral da Brigada Militar. Idealizou a criação de uma polícia rural que, efetivamente, se tornou realidade em 1955, com a transformação do 1° Regimento de Cavalaria em 1° Regimento de Polícia Rural Montada.
     Foi chefe da casa militar de Cordeiro de Farias, deputado estadual pelo Partido Social Democrático eleito em 1950 e 1954. Em 1958, concorreu ao governo do Rio Grande, pela UDN, sendo derrotado pelo candidato do PTB, Leonel Brizola. Elegeu-se deputado federal em 1962.
    Em 1964 participou das articulações entre militares e os setores conservadores brasileiros que culminaram no golpe de 31 de março. Durante a ditadura militar, foi ministro do Trabalho e Previdência Social (no governo Castelo Branco) e governador do Rio Grande do Sul.
O Cel Peracchi foi o único brigadiano a tornar-se governador do Estado.