sexta-feira, 5 de agosto de 2016

REGIÃO - BM APRESENTA INDICADORES CRIMINAIS REFERENTES AO MÊS DE JULHO



            Mais uma vez a Brigada Militar registra clima de tranquilidade, nos municípios da área de ação do 5º R P Mon. Dentre as ocorrências de maior incidência ainda estão os acidentes de trânsito, pequenos furtos, e os casos de violência doméstica.  Registros envolvendo roubo, latrocínio e homicídio, são raros.

           Também ganha destaque o reforço nas ações da Patrulha Rural, com o objetivo de combater os crimes no campo.  Da mesma forma, atividades de inteligência em conjunto com a Polícia Civil resultaram na apreensão de drogas e pessoas presas por tráfico.

            Em Santiago, sede da unidade, foram registrados 39 casos de furto; 35 acidentes de trânsito, 17 ocorrências envolvendo substância entorpecente, 16 casos de violência doméstica e 16 condutores flagrados dirigindo veículo, sem possuir CNH. Também, expedidos 114 autos de infração de trânsito e 109 prisões em flagrante.

        Levando em conta que as causas determinantes do aumento da criminalidade decorrem também de problemas sociais, verificou-se que das 10 pessoas presas por furto, em Santiago, todas se declararam dependentes de alguma droga ilícita. Igualmente, dos 16 casos de violência doméstica, 12 envolviam drogadição por parte dos agressores. Principalmente, o alcoolismo.


           Os esforços da BM são para reduzir ainda mais os índices criminais na região, no entanto, algumas condições alheias ao planejamento operacional, acabam proporcionando o aumento de alguns casos. No que tange o aumento de aproximadamente 25% nos casos de furto, num comparativo com o mesmo período de 2015, o consumo e o tráfico de drogas, ainda é apontado como impulsionador.