segunda-feira, 4 de julho de 2016

EM SANTIAGO - PRINCIPAIS OCORRÊNCIAS ATENDIDAS PELA BRIGADA MILITAR, NO FINAL DE SEMANA




                

Das ocorrências atendidas destacamos as seguintes:

FURTOS

                 QUATRO casos foram registrados. Um deles às 14h35min de sexta-feira (01/07) na Rua Júlio de Castilhos, centro. O proprietário de um apartamento comunicou o furto de um fogão de mesa e de um ar-condicionado. Segundo ele, o imóvel passa por reformas, e as portas não ficam trancadas.

                 ACIDENTES DE TRÂNSITO

                 TRÊS acidentes foram registrados. Um deles às 10h44min de sábado (02/07) no cruzamento entre as Ruas General Neto e José Caetano de Melo, vila nova. Um abalroamento, envolvendo um automóvel e uma motocicleta. O motociclista caiu na via, restando com escoriações pelo corpo. Ele foi socorrido e encaminhado ao pronto socorro municipal.

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA – LEI MARIA DA PENHA

                 TRÊS casos foram registrados. Um deles às 11h15min de sábado (02/07) na Rua Tito Becon, centro.  Uma senhora comunicou que foi ameaçada de morte pelo seu ex-companheiro. O homem chegou a casa armado com um facão, e passou a danificar o carro de um amigo da família, que estava na casa. O agressor foi retirado do local por familiares, antes da chegada da BM. A vítima foi encaminhada a DPPa para o registro do fato.

PERTURBAÇÃO DA TRANQUILIDADE PÚBLICA

                 Por volta das 03h20min de domingo (03/07) uma guarnição compareceu na Rua bento Gonçalves, centro, para averiguar uma denúncia de perturbação da tranquilidade pública. No endereço, os policiais flagraram um VW/Gol, estacionado na via, com o som em alto volume. Ao identificar o responsável pelo veículo, verificou-se que ele está com sua CNH cassada e o automóvel com o licenciamento vencido. O conduto foi liberado após termo circunstanciado e o automóvel recolhido ao depósito do DETRAN.
EMBRIAGUEZ AO VOLANTE – PRISÃO

                 DOIS casos foram registrados. Um deles às 18h20min de domingo (03/07) na Rua Raquel Pacheco, vila rica.  Uma guarnição flagrou o condutor de um Ford/Escort que trafegava em alta velocidade, em ziguezague, colocando em risco a segurança do trânsito. Ao identificá-lo os os policiais verificaram que apresentava visíveis sinais de embriaguez alcoólica. Ele negou-se a realizar o teste do etilometro e acusou os policiais de terem pegado, de sua carteira, a quantia de R$ 1.500,00 reais. No entanto, ele tinha apenas R$ 26,00 reais consigo. Diante dos fatos o homem foi preso encaminhado à DPPa para providências.



Santiago, 04 de julho de 2016.

BITTENCOURT-SD    

Comunicação Social