quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

EM SANTIAGO - CASOS DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER AINDA SÃO UM DESAFIO PARA A BM



      Um levantamento realizado pelo 5º R P Mon aponta que de 2009 até novembro/2015 foram atendidos pela BM em Santiago 1.978 casos de violência contra a mulher. Mais de 75% são reincidentes.

       Os dados apontam para vítimas com idade entre 21 e 64 anos, que são agredidas pelos seus companheiros/ex, maridos/ex, e os próprios filhos. A maioria tem filhos com o agressor e depende economicamente dele, um fator que, muitas vezes, faz com que as vítimas sofram caladas e não busquem ajuda.

         Segundo relatos das próprias mulheres os agressores, na maioria dos casos, estava sobre influência de álcool ou outras drogas.

         A BM realizou a prisão de 1.680 agressores, apesar de serem liberados logo após o registro policial, por força de Lei.

        Os bairros centro, vila rica e ana bonato, ainda concentram  a maioria dos casos.