sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Programa de Resistência às Drogas e à Violência - PROERD


O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) é uma iniciativa da Polícia Militar de prevenção para crianças do Ensino Fundamental até o Ensino Médio; os pais também recebem orientações em reuniões e palestras, representando um esforço cooperativo entre Escolas, Pais e Polícia Militar. O PROERD é baseado no Programa Americano chamado D.A.R.E (Drug Abuse Resistance Education).
Hoje ele é desenvolvido em mais de 50 países, e cerca de 40 milhões de crianças por ano têm instrução com policiais PROERD.
Objetivos do Programa
        Os objetivos principais do PROERD são noções de cidadania, prevenir ou reduzir o uso de drogas e a violência  entre crianças e adolescentes. A ênfase deste programa está em auxiliar os alunos a reconhecerem as pressões diretas ou indiretas que os influenciarão a experimentar álcool, cigarro, maconha, inalantes, ou outras drogas e a resistirem a elas, bem como àquelas para se engajarem em atividades violentas. O Programa  oferece estratégias preventivas para reforçar os fatores de proteção, em especial referentes à família, à escola e à comunidade, que  favorecem o desenvolvimento da resistência em jovens que poderiam correr o risco de se envolver com drogas e problemas de comportamento. Esta estratégia concentra-se no desenvolvimento da competência social, habilidades de comunicação, autoestima , empatia, tomada de decisões, resolução de conflitos, objetivo de vida e independência, e alternativas ao uso de drogas e outros comportamentos destrutivos.   O desenvolvimento do conteúdo do PROERD pode  ser incorporado de forma interdisciplinar no currículo escolar dentro das disciplinas relativas a saúde, ciências, estudos sociais, literatura e outras. O professor deve manter um papel de apoio na classe, enquanto o policial está em aula.
Atividades com pais ou responsáveis 
     Uma parte importante do programa é envolver os pais ou responsáveis nas atividades, sendo que, na primeira lição, é encaminhada mensagem por intermédio do aluno para que estes tomem conhecimento do programa em que seu filho participará e das reuniões programadas, durante os trabalhos, com eles.
    O Programa proporciona informações sobre comunicação com os filhos, construção da autoestima, fatores de risco associados aos jovens, noções básicas sobre uso de drogas e estágios da dependência dos adolescentes, fatores protetores e fontes de pressão, resolução de conflitos e a violência.
Treinamentos com Policiais
    Este processo inicia-se com uma rigorosa seleção dos policiais, pois, desta iniciativa, dependerá o sucesso ou não do Programa. Estes policiais deverão enquadrar-se em diferentes aspectos, os quais deverão levá-lo a ser um constante pesquisador e estudioso do assunto. 
Quesitos exigidos na seleção:
a) Ser voluntário;
b) Ter, no mínimo, um ano de serviço em atividade-fim da Corporação;
c) Possuir experiência e/ou formação em atividades educacionais, recreativas e/ou comunitárias;
d) Estar classificado no mínimo no comportamento Bom;
e) Não estar respondendo a processo civil ou militar e nem a inquérito, na condição de indiciado em delitos incompatíveis com o trabalho com crianças;
f) Não ter sido condenado em processo civil ou militar em delitos incompatíveis com o trabalho com crianças;
g) Ter nível médio completo, ou estar cursando ou ser formado em nível superior;
h) Ter facilidade de expressar-se verbalmente;
i) Não ser dependente de fumo, álcool e outras drogas.
   O Policial Militar selecionado participará do Curso de Formação de Instrutores, com duração de 80 h/a durante duas semanas. Este curso o habilitará a desenvolver o Programa para as 4ª séries do Ensino Fundamental.